1 de fevereiro de 2018

Fevereiro é mês de...



Chegou o Fevereiro!!
O mês mais pequenino do ano. Um mês muito especial aqui por casa. Hoje, dia 1, celebrei o meu aniversário e o meu filho mais velho completará 17 anos lá mais para o final. Iremos ainda celebrar o dia dos namorados 😊 e mais algumas novidades virão. Acreditem, este vai ser um mês mesmo muito especial…

Antecipo por isso dias bem animados, a passarem a uma velocidade luz.

O ingrediente para este mês não é fácil. A nossa criatividade e inspiração vão ser deveras testadas e colocadas à prova.  Estas palavras fizeram-me agora lembrar o Master Chef e os testes pressão!  Sim vai haver pressão. Mas isso só torna o desafio mais interessante! Não concordam?

Apelo à vossa generosidade e inspiração, porque não só escolhi um ingrediente difícil, como o meu tempo para elaboração de receitas vai ser muito, mas mesmo muito escasso…  posso contar convosco?  Para trazerem umas receitas fabulosas?

Então vamos lá!   O nosso ingrediente vai ser o Kiwi 😊



Assim deixo de novo o convite: juntem-se a mim, e até ao último dia do mês de fevereiro, inclusive, tragam uma receita, talvez aquela que tantas vezes tem ficado em lista de espera, ou aquela que repetem vezes sem conta nas vossas cozinhas sem que lhe tivessem dado o devido destaque, ou a outra que é de família, a que tem um segredo, aquela que desperta memórias…A única regra é que tenha Kiwi, o destaque e valorize enquanto ingrediente!





O kiwi é uma fruta exótica originária da China, de formato oval e achatado. Possui uma casca de cor marrom clara, coberta por pequenos pelos. A sua polpa é de cor esverdeada, apresentando diversas sementes pequenas e pretas no centro.
As suas características visuais, e seu alto teor nutricional, tornam este fruto muito atrativo. É considerada uma fruta muito refrescante e apresenta uma consistência cremosa, um sabor doce e ácido intensos. Além disto, o Kiwi é um dos frutos com maior concentração de vitamina C. O consumo de um kiwi médio é suficiente para satisfazer as necessidades diárias nutricionais dessa vitamina. Esta fruta também fornece grandes quantidades de fibras, podendo ser utilizada inclusive como laxante natural.
Fruto de uma planta trepadeira e que pertence à família das Actinidiaceas, o kiwi é típico de regiões de clima temperado.


Por ser uma fruta de baixo teor calórico, é muito utilizada em dietas de restrição calórica. Cerca de 90% do seu peso é constituído por água.

Devido à presença de vários fitonutrientes antioxidantes, como os flavonóides e carotenóides, o kiwi é um poderoso antioxidante natural. Doenças cardiovasculares, doenças de foro intestinal e cancro, podem ser evitadas através do consumo da fruta.

O ácido fólico, essencial para produção de glóbulos vermelhos e brancos, está presente em grandes quantidades no Kiwi. Muitos médicos recomendam a suas pacientes, no período de gravidez, a consumirem a fruta, que tem um papel fundamental na síntese de material genético e formação de anticorpos. Porém, para aproveitar ao máximo os benefícios do Kiwi, deve-se consumi-lo cru, pois o ácido fólico degrada-se com a cozedura.



O tempo de colheita do Kiwi começa no mês de outubro, podendo durar até Maio. Ao comprar a fruta, deve-se apertá-la ligeiramente com o polegar. Ao pressionar o fruto e perceber que ele cedeu um pouco e voltou à sua forma inicial, significa que ele está no ponto ideal para consumo. Se ele não retornar a sua forma inicial é porque está muito maduro. Caso ele não ceder à pressão é porque ainda esta verde e deve esperar que amadureça.


As formas de consumo são variadas, desde saladas, sanduíches, sobremesas, bebidas e naturalmente inteiro. A melhor forma para comer o fruto é com uma colher, como se fosse um iogurte. Porém é necessário que a fruta esteja no ponto, ou seja, nem muito dura nem muito mole.

7 comentários:

  1. Olá Marta!
    De facto o Kiwi não é um ingrediente fácil mas eu confesso que adoro! Desde muito pequena que a minha mãe me foi habituando a comer pois tem tanta fibra que ajudava muito a minha barriguita! Agora é a minha filha mais nova a comer e também adora, já o mais velho torce o nariz...
    Deixo então duas sugestões e vou por ainda o neurónio a trabalhar para ver se consigo trazer mais alguma sugestão.
    1) Batido de banana e kiwi - http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/2017/03/batido-de-banana-e-kiwi-sem-lactose.html
    2) Papas e millet com banana e kiwi - http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/2017/09/papas-de-millet-em-video.html
    Beijinho
    Joana

    ResponderEliminar
  2. Deixo aqui a minha receita...http://nacozinhadate.blogspot.pt/2014/04/compota-de-como-ja-referi-quando-se.html

    ResponderEliminar
  3. Ola muito boa noite venho aqui deixar a minha humilde participação no mês de Fevereiro <3 um Mês muito especial para mim.
    https://flor-de-rosmaninho.blogspot.pt/2018/02/panquecas-com-kiwi-e-queijo-fresco.html
    Beijo
    Elsa

    ResponderEliminar
  4. Respostas
    1. Olá Martinha,
      Ora aqui está uma fruta que gosto, mas que não consumo com a frequência que devida!
      Há uns anos atrás fiz um bolo de kiwi que não ficou nada mal, pois gosto muito de bolos de fruta e ando sempre a experimentar novas receitas. Estive tentada a repeti-lo, mas o tempo não chega para fazermos tudo o que gostamos. Assim, trago um sumo que sabe mesmo bem nestes dias quentes, de quase Primavera, espero que gostes!
      https://sugar-bites.blogspot.pt/2018/02/sumo-de-kiwi-e-laranja.html

      Beijinhos e votos de boa semana,
      Paula G.

      Eliminar
  5. Olá Martinha. E cá estou de volta a estes teus meses temáticos. Os últimos meses têm sido difíceis de cá chegar.
    Adoramos kiwi cá por casa. Os miúdos, principalmente o mais novo e o maior glutão cá do sítio, não os dispensa.
    Deixo-te um bolinho na tua mesa. Espero que gostes!
    Beijinhos grandes
    Sara

    https://happylifeinthekitchen.blogspot.pt/2017/07/bolo-de-kiwi-vapore-se-ha-muitos-kiwis.html

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...